deathadder elite

Mouse Razer Deathadder Elite, será que vale a pena?

A última versão do Deathadder Elite não tem esse nome por acaso. Depois de vários aprimoramentos, a Razer entregou um mouse realmente parrudo. Mas, será que vale a pena trocar o seu Deathadder Chroma ou qualquer outro modelo por ele? É o que vamos descobrir agora. Bora?

Especificações do produto

Antes de tudo, confira os dados que a própria Razer oferece sobre o Deathadder Elite:

– Sensor óptico: 16.000 DPI
– Até 450 PPS/50g de aceleração
– Switches Mecânicos de Mouse Razer
– Roda de rolagem tátil especial para jogos
– 7 botões Hyperesponse independentemente programáveis
– Ultrapolling de 1000Hz
– Ajuste de sensibilidade em tempo real
– Conector USB banhado a ouro
– Dimensões aproximadas: 127mm (comprimento) x 70mm (largura) x 44mm (altura)
– Peso aproximado: 105g

A partir dessas informações, já temos o suficiente para comparar esse modelo com os seus antecessores e tirar uma boa conclusão antes de decidir se o Deathadder Elite é ou não uma escolha vantajosa.

daelite_gallery11

O que o Deathadder Elite trouxe de novo?

Por fora, houve poucas modificações com relação ao seu irmão mais velho, o Deathadder Chroma. E isso não é um problema, já que o design dos produtos Razer é reconhecido e aclamado pelo mundo todo. Mas ainda assim o Deathadder Elite traz algumas atualizações em sua construção. Ao invés do acabamento emborrachado, tradicional nas versões anteriores, ele vem todo em plástico fosco. A sensação de “premium” e a aderência é menor, contudo a durabilidade aumenta bastante.

Mas vamos ao que interessa, o que tem de novo no Deathadder Elite?

1. Botões dedicados à troca de DPI. Nesse aspecto o Deathadder Elite ficou muito parecido com o Mamba. E além de aumentar a praticidade, os botões deram um ar mais PRO ao modelo.

2. Sensor de 16.000 DPI. Pode pode parecer exagero para alguns, até porque os 10.000 DPI do Deathadder Chroma já entregavam uma velocidade incrível. Mas lembre-se, a última versão foi lançada em 2014 e de lá pra cá muita coisa evoluiu nos jogos, máquinas e periféricos. Pra quem curte jogar em 4k, esse mouse é uma mão na roda nos rastreios de pontos.

Deathadder Elite

3. Botões laterais. Apesar de serem construídos com materiais de qualidade inferior, alguns usuários relataram que ele está bem mais nítido, evitando cliques acidentais.

4. Switches mais firmes. Nesse aspecto, o Deathadder Elite também divide opiniões com relação ao melhoramento. Mas é fato que a Razer equipou esse modelo com switches mecânicos mais firmes para reduzir o ruído, evitar o double-click acidental e durar mais na sua mão.

Deathadder Elite

Afinal, vale a pena?

Antes de tudo, vamos deixar claro que o Deathadder Elite é um monstro. Esse modelo consegue entregar um desempenho surpreendente quando o assunto é jogabilidade. E sem dúvida é o melhor Deathadder já construído. Outra certeza é que seu sensor é, indiscutivelmente, o melhor do mercado. Então se você já decidiu que quer um, parabéns, seu próximo mouse será um ótimo aliado.

CTA-deathadder

cta-comprar-agora

Agora, se você não busca tanta precisão assim e ainda não pensa jogar em 4k, tudo bem. O Deathadder Chroma ainda é uma opção muito boa nos quesitos jogabilidade, conforto e durabilidade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *